Articles Tagged with: Black Friday

Dia do Consumidor: prepare seu e-commerce para aumentar suas vendas

O Dia do Consumidor traz oportunidades únicas para o e-commerce. Por isso, é importante saber tudo sobre a data e usá-la a favor do seu negócio. Saiba mais!

Qual a origem do Dia do Consumidor?

O Dia do Consumidor é inspirado no discurso feito por John Kennedy, ex-presidente dos Estados Unidos, em 15 de março de 1962. Em sua declaração, o político listou quatro direitos fundamentais do consumidor:

  • direito à segurança;
  • à informação;
  • direito à escolha;
  • e a ser ouvido.

Contudo, apesar de a mensagem ter acontecido nos anos 60, o Dia do Consumidor só foi estabelecido em 1985. Durante a Assembleia Geral das Nações Unidas. Desde lá, o dia 15 de março é conhecido como a data comemorativa do World’s Consumer Rights Day.

Assim, a data enfatizou a importância dos direitos e necessidades do consumidor. E o respeito que deve ser dirigido a eles.

No Brasil, o assunto entrou em pauta com o Código de Defesa do Consumidor em 1990. Mas, apenas nos últimos anos, o país incluiu o Dia do Consumidor ao calendário varejista. Seguindo tendências internacionais como a Black Friday

Por que fazer ações do Dia do Consumidor?

Inicialmente, o período entre o Carnaval e a Páscoa costumava não render muitas vendas no Brasil. Contudo, a comemoração do Dia do Consumidor trouxe um grande potencial de alavancar as vendas do e-commerce.

Só para ilustrar, lojas virtuais faturaram R$ 3,6 bilhões em vendas com as movimentações da data. Já em 2021, o faturamento foi de R$ 6,4 bilhões. 

O número tende a crescer já que tem gerado interesse no público. As buscas pelo Dia do Consumidor se intensificam cerca de 10 dias antes até o seu pico, no dia 15 de março.

Sendo assim, é importante atrair consumidores que já estão à procura de ações do Dia do Consumidor. E surpreender outros que não conhecem bem a oportunidade. 

Por fim, lembre-se que, assim como o público, o e-commerce só tem a ganhar com o Dia do Consumidor.

Quais são os nichos de sucesso do Dia do Consumidor?

O Relatório da AlliN apresenta dados sobre o Dia do Consumidor de 2021, oferece insights para estratégias. E mostra como a data é uma grande chance para os negócios do e-commerce.

Segundo o relatório, as categorias que mais faturaram por conta de ações da data comemorativa em 2021 foram:

1º. Telefonia: R$ 1.714,00.

2º. Eletrodomésticos e Ventilação: R$ 1.221,60.

3º. Informática e Câmeras: R$ 1.081,60.

4º. Móveis, Construção e Decoração: R$ 504,40.

5º. Entretenimento: R$ 372,10.

O conhecimento do faturamento de cada setor traz uma referência do potencial de vendas de um negócio.

A Black Friday do primeiro semestre: como preparar seu e-commerce?

O Dia do Consumidor também é conhecido como a “Black Friday do primeiro semestre” por seu destaque no mercado digital e a realização de ofertas para o público.

Contudo, o Dia do Consumidor vai muito além da realização de promoções e descontos em produtos. Apesar de serem o maior atrativo ao consumidor, as ofertas são apenas uma das experiências que podem ser oferecidas ao cliente na data.

Então, vamos falar de estratégias que podem ajudar seu negócio durante o período e deixar seu e-commerce preparado para atrair muitos clientes. Continue a leitura!

Dia do Consumidor, Semana do Consumidor e Mês do Consumidor

Ao contrário de focar apenas no dia 15 de março como o Dia do Consumidor, é possível trabalhar também a Semana e o Mês do Consumidor.

Desse modo, os e-commerces estimulam os consumidores a anteciparem suas compras. E os mantém engajados com a marca por um longo tempo.

É interessante criar campanhas específicas para o dia, a semana e o mês. Dessa maneira, é possível atender a todos os níveis da jornada do comprador. E ainda manter a atenção do usuário que verá uma variedade de abordagens em seu e-commerce.

Há também a possibilidade de investir em campanhas pagas no Google e nas redes sociais para atrair novos clientes. Para isso, selecione produtos conforme o comportamento dos consumidores e utilize uma linguagem simples, porém cativante.

Nas redes sociais, as campanhas de engajamento são uma excelente opção para engajar os usuários com a sua marca. Além de, claro, divulgar as ofertas, libere cupons exclusivos e realize sorteios.

Uma ótima experiência de compra é a chave do sucesso 

É verdade que o preço competitivo é um fator decisivo para que ocorra a compra final. Entretanto, a experiência de compra tem, cada vez mais, feito a diferença para o consumidor.

Dessa forma, a eficiência é a palavra-chave para que o cliente se sinta satisfeito. Isso quer dizer que é preciso ter atenção aos seguintes aspectos do e-commerce:

Nesse sentido, a percepção do cliente sobre o e-commerce tende a ser favorável por se sentir amparado em todas as fases da compra.

Frete diferenciado

Sabe-se que, em um país de grande extensão territorial como o Brasil, é comum que os consumidores desistam de uma compra pelo preço do frete. Ao oferecer vantagens no preço da entrega, o e-commerce se destaca e ganha mais chances de ter a compra fechada por clientes de várias localidades.

Por isso, ações com frete grátis sempre atraem mais pessoas. Porém, se não for possível aplicá-lo em todas as compras do e-commerce, é possível fazer uma seleção. 

Por exemplo, ganham a isenção do frete:

  • determinadas regiões do país;
  • determinados produtos;
  • clientes em sua primeira compra;
  • pedidos acima de determinado valor.

Finalmente, um bom recurso são os widgets que informam o valor que falta para que o cliente ganhe o frete grátis. Essa estratégia é incrível pois estimula o aumento do ticket médio do e-commerce.

Divulgação de ações e promoções

Constantemente, as pessoas aguardam por promoções para realizarem uma compra. E é evidente que isso tem acontecido no período do Dia do Consumidor. 

Portanto, é essencial planejar um cronograma de divulgação das promoções para preparar o cliente em potencial.

Em outras palavras, a publicidade bem programada é importante para que a loja virtual seja notada pelas pessoas que se tornarão clientes em potencial.

Contar com uma agência especializada no comércio digital, como a Adtail, é um diferencial porque possibilita o planejamento e aplicação das ações de forma eficiente e segura.

Ações de pós-vendas

Por último, ações de pós-vendas incentivam a recompra e a fidelização de clientes. Para isso ocorrer, o alto volume de compras do período pode ser aproveitado com as estratégias seguintes:

  • envio de brindes;
  • entrega rápida;
  • cupons de desconto;
  • embalagens atrativas;
  • interação com clientes nas redes sociais.

Todas essas ações do Dia do Consumidor que mostramos valem o esforço para agradar o cliente e agregar valor à marca. Deixar a data passar em branco é deixar o e-commerce sem a oportunidade de crescimento.

Definitivamente, as ações precisam ser planejadas cuidadosamente para evitar erros e transtornos no meio do caminho. Por essa razão, a Adtail tem uma equipe especializada para ajudar seu negócio a escalar em momentos como esse. Conheça nosso site!

Maratona Best Friday: dicas para se preparar para a Black Friday

A Black Friday traz experiências únicas para o consumidor e planejamento é palavra de ordem para o e-commerce. Continue a leitura e ganhe dicas para a data!

Black Friday é para todo e-commerce?

Há um cenário específico para cada nicho do mercado que precisa ser analisado antes de entrar na maior data do varejo brasileiro, a Black Friday. 

Alguns nichos envolvem desafios que ultrapassam a ideia de descontos aplicados em produtos que o cliente tem acesso imediatamente ou pouco depois da compra.

Um exemplo disso são agências de viagens e empresas de passagens aéreas. Elas precisam observar que o consumo de seu produto é para datas futuras, o que implica em um planejamento diferenciado.

Dessa forma, entender de fato o produto que vende pode ser o segredo para saber se seu e-commerce tem potencial para participar da Black Friday. Nesse sentido, duas perguntas precisam ser respondidas:

  • Existem produtos para entrar?
  • Se sim, quais são esses produtos?

Caso perceba que seu e-commerce pode fazer parte da Black Friday, é importante também responder às seguintes perguntas:

  • Quais os descontos que podem ser aplicados?
  • Quais experiências posso trazer para os clientes?

Assim, você reflete sobre a situação real de seu e-commerce. Também pensa na oportunidade de levar uma experiência nova para os seus clientes já fidelizados e para os que virão.

Como a logística impacta na sua ação de Black Friday?

É fato que a Black Friday não se reduz ao simples ato de aplicar descontos aos produtos. A operação é muito maior e a logística tem um papel essencial ao fazer a ponte entre a mercadoria e os clientes.

O processo de logística envolve a emissão de nota fiscal, separação do produto, embalagem, postagem, transporte e entrega. O caminho que o produto faz até o cliente é complexo e precisa de atenção para que o consumidor se sinta satisfeito.

Desse modo, um planejamento eficiente de logística considera os seguintes pontos:

  • levantamento de estoque;
  • definição de prazos de entrega;
  • escolhas dos modais de transporte e suas rotas.

Então, uma vez que a compra é realizada, é preciso oferecer aos clientes o monitoramento da mercadoria. Isso inclui informações sobre a localização do pacote, o horário de chegada a cada ponto de coleta e a previsão de entrega.

É verdade que a logística é um diferencial na hora de decisão de compra. Muitos consumidores desistem de um produto por conta de fretes muito altos ou prazos longos de entrega. 

Em 2021, os e-commerces levaram isso em conta e ofereceram fretes grátis e prazos curtíssimos de entrega. O resultado, segundo o Reclame Aqui, foi a redução de reclamações nas semanas seguintes às promoções.

Como se destacar visualmente na Black Friday?

Uma das formas de chamar a atenção do consumidor para a Black Friday de seu e-commerce é apelando para o visual de seu site e mídias sociais. Criar um layout e artes especiais para a data, facilita a identificação de seu negócio com as promoções.

Além disso, mostra como a empresa é antenada com as tendências, convidativa e atraente. Entretanto, não basta apenas inserir faixas pretas nos produtos para conseguir esse efeito. 

Para ter sucesso com o visual de seu negócio em época de Black Friday, siga 3 de nossas dicas a seguir.

1. Respeite a sua identidade visual

Seja coerente ao manual de marca de seu e-commerce. A Black Friday é como um tempero para a identidade visual e não precisa tomar o lugar da personalidade de seu site e mídias sociais.

O preto é a referência de cor, mas é possível fugir do óbvio e trabalhar com várias de suas tonalidades ou mesmo não usá-la. O importante é que essas decisões sejam coerentes com a estética que representa a empresa.

2. Pense na usabilidade

A mudança de visual não pode atrapalhar a experiência do usuário, então tenha cuidado para não deixar a página de seu site muito pesada. Caso contrário, o carregamento dele será demorado e causará rejeição ao consumidor.

3. Crie destaques

Os destaques chamam a atenção para o evento e também facilitam a experiência do usuário. A ideia é abusar de cores de realce, fontes variadas e separação de conteúdos. 

Por exemplo, é possível criar uma landing page só para ofertas, inserir banners e novos botões e outros recursos. A ideia é facilitar o caminho do cliente até a compra.

Outra dica é inserir cronômetros que informam o tempo restante de uma oferta e a informação da quantidade de produtos restantes. O resultado é a ativação do gatilho da escassez e o sentimento de urgência no consumidor.

Como usar as estratégias omnichannel para ter sucesso na Black Friday?

A estratégia omnichannel consiste em oferecer vários e diferentes canais para o público interagir com a marca. Mas isso deve acontecer de forma que os canais estejam integrados através de banco de dados compartilhado.

Em resumo, um dos maiores benefícios da estratégia omnichannel é fazer o consumidor trafegar entre diferentes canais sem precisar dar sempre as mesmas informações.

Em consequência, empresas que usam os dispositivos tecnológicos a seu favor e seguem essa estratégia podem conseguir altas taxas de retenção de usuários no site.

A omnichannel é uma excelente opção para ser usada na Black Friday e obter resultados mensuráveis para o seu e-commerce. Nós temos algumas ideias para potencializar seu negócio com a estratégia.

1. Privilegie o mobile

Os smartphones têm um espaço protagonista na vida de pessoas conectadas à Internet. Cada vez mais, os consumidores utilizam dispositivos móveis para pesquisar e comprar. 

Por isso, é importante pensar na usabilidade do usuário ao interagir com seu e-commerce em smartphone, além das possibilidades que o dispositivo oferece, como aplicativos.

2. Utilize uma ferramenta CRM

Um bom sistema de CRM, Customer Relationship Management, armazena informações de clientes, gerencia as interações com o consumidor e mantém a equipe de vendas informada.

É importante ter uma ferramenta eficiente de CRM que utilize a inteligência artificial para prever interações e atuar no sentido de aumentar as vendas. Escolher um sistema de CRM que mostre os dados de forma bem estruturada é fundamental.

3. Aposte nas redes sociais

Os perfis de redes sociais e o WhatsApp ajudam a chamar a atenção do cliente de variadas formas. Com eles, é possível proporcionar ao cliente uma experiência de varejo que o faça se sentir próximo à loja, mesmo que esteja fisicamente distante.

Ter vendedores reais disponíveis em chats é um diferencial em meio a tantos chatbots e o envio de catálogos e ofertas personalizadas aproxima a audiência.

Primeiramente, a atenção dada aos consumidores de forma individual auxilia no engajamento. Consequentemente, ocorre a captação de dados pessoais para que seu negócio perceba quem são os clientes da marca.

Logo, o consumidor engajado está mais propenso a gerar conteúdo. Seja marcando a página, incluindo fotos e vídeos do produto ou fazendo indicações para outros usuários. Faz parte das ações do e-commerce encorajar essas produções.

Por fim, lembre-se que conteúdo vende! Quando o usuário encontra um conteúdo relevante produzido por seu negócio, ele tende a ter a rotina de acompanhar a marca pelas redes sociais.

Não se esqueça que o conteúdo é produzido a todo instante por sua marca e seus seguidores. Contudo, é importante criar estratégias específicas para a Black Friday e estruturar a campanha de forma eficiente.

Quando construir suas estratégias para a Black Friday, tenha em mente que não é suficiente competir pela atenção do consumidor. É necessário também competir pela atenção.

Se você gostou desse artigo, compartilhe em suas redes sociais!

O que aprendemos com os resultados da Black Friday 2021

Por Rebeca Duarte, Head de Planejamento

Todos os anos, existe uma enorme expectativa para a Black Friday, já que ela se tornou a maior data do varejo brasileiro há alguns anos. Mas, desde o início da pandemia do novo coronavírus, em 2020, estamos acompanhando e estudando as mudanças no comportamento do consumidor e seus desdobramentos na jornada de compra, preferências e experiências. 

O fato é que, para a Black Friday 2021, acreditava-se num formato e nível que acabaram não sendo correspondidos em sua totalidade. O cenário não foi dos piores, mas novos desafios foram criados para a próxima edição. 

Descontos e compras foram distribuídos ao longo do mês

Levantamento da Neotrust mostra que o período que concentra mais ofertas de Black Friday 2021 gerou um faturamento total de R$ 5,4 bilhões – crescimento de 5,8% em relação ao resultado do ano anterior. Para esse cálculo, foi considerado o número total de compras realizadas via e-commerce, capturados desde quinta-feira (25) até 23h59 de sexta-feira (26).

Mesmo com esse crescimento de receita, impulsionado pelo aumento do ticket médio, que, por sua vez, pode estar relacionado à inflação, foram feitos 5,2 milhões de pedidos na sexta, 2,4% abaixo do registrado no mesmo período em 2020.

Isso aconteceu, principalmente, porque as promoções da data foram espalhadas por todo o mês de novembro, que apresentou um crescimento de 31% na base anual entre os 11 primeiros dias e de 31% entre os dias 18 e 24. Também, porque o evento em 2020 foi praticamente todo online, com um crescimento muito acima da média, que seria difícil bater em 2021, com lojas físicas operando novamente. 

As expectativas do mercado estavam altas e o comportamento do consumidor nem sempre é como prevemos. Por isso, é importante observar as tendências que estão se desenhando ao longo dos últimos anos durante a sazonalidade, mapear as variáveis que estão interferindo nas mudanças de cenário e traçar estratégias baseadas nestes. 

Consumidores estão ainda mais exigentes com entregas

O volume de reclamações registrado entre meio-dia de quarta-feira (24) e as 21h da sexta-feira (26) da Black Friday chegou a 9.690, ultrapassando a quantidade da edição anterior em 19%, restando ainda 5 horas para o encerramento do evento de ofertas. O levantamento foi feito pelo site Reclame Aqui.

Ainda de acordo com o levantamento, a entrega rápida, nesta Black Friday, mudou o perfil das reclamações. Até 2020, esses problemas começavam a aparecer nas semanas seguintes ao dia das promoções, fase em que os consumidores comunicavam o não recebimento dos produtos no prazo estabelecido na compra. Segundo a pesquisa, o que causou essa alteração foi a oferta de prazos agressivos, para o mesmo dia ou para o dia seguinte às compras.

O frete é um diferencial importante na decisão de compra. A estrutura logística e parceiros precisam estar preparados para atender à demanda, assim como o estoque e a comunicação do trajeto do produto. A experiência do cliente com a entrega impacta diretamente na fidelização e no relacionamento dele com a marca.

Novas categorias se destacaram

Em 2021, vimos consumidores com poucas reservas de dinheiro, afetados diretamente pela inflação, e varejistas sem espaço para grandes promoções.

A alta geral de preços minou a perspectiva de ter desconto, e o resultado foi uma maior oferta de produtos de mercearia e hipermercado, além de outros itens de baixo custo com a promessa de entrega expressa, o que se traduziu em maior volume de transações e tickets menores, detectado pelo site Reclame Aqui.

Contudo, o ticket médio nacional das compras foi 6,4% maior do que o registrado no ano anterior, totalizando R$ 711,38. As categorias mais compradas foram moda e acessórios, beleza e perfumaria, alimentos e bebidas, telefonia e eletroportáteis.

De fato, vimos consumidores mais criteriosos e menos impulsivos em 2021, o que também é uma tendência. Por isso, o relacionamento com a marca precisa ser construído ao longo do ano, para que o desejo da compra esteja nas prioridades da sazonalidade. Outro desafio foi conseguir realizar promoções tão atraentes quanto as demais feitas ao longo do ano, competindo com a concorrência e lojas físicas.

O que esperar da Black Friday 2022?

Ficou muito claro que o evento não começa e termina na última sexta-feira de novembro e que descontos não são a única forma de conquistar clientes. As ações para atrair clientes devem começar logo depois da última edição. 

Aqui estão 3 pontos para você ter atenção e estar preparado para a Black Friday 2022:

Planejamento 

Estude os insights gerados na BF 2021 no seu e-commerce. Ouça seus consumidores, trace melhorias a partir do que não foi tão bem. Defina com antecedência se vai fazer Black Week ou Black Month

Pagamentos

Outro ponto importante é: diversifique meios de pagamento. Para 2022, o PIX estará ainda mais forte, por exemplo, apesar de limitações como limite de valor, que pode afastar compradores com ticket médio mais alto. O consumidor quer opções!

Novos consumidores

As pessoas acima de 51 anos fizeram 1,7 milhão de pedidos, uma alta de 12,4% em relação a 2020. Esse movimento indica um aumento de confiança no e-commerce e esse público pode ser melhor aproveitado na próxima edição.

ESCRITÓRIOS:


Porto Alegre:
Rua Dona Laura, 320 12º andar

Rio Branco - Porto Alegre - RS
CEP: 90430-090
Telefone: +55 (51) 4009.5510

São Paulo:
Av. Nações Unidas, 11.857 - 8º Andar

Brooklin - São Paulo - SP
CEP: 04578-908
Telefone: +55 11 5093 2403

NAVEGUE:


Nossa agência
Clientes
Certificações
Carreiras

ASSINE A NEWS:


SERVIÇOS:


Conteúdo Digital
CRM
Data Intelligence
Gestão de Consultoria SEO
Mídia Paga
Planejamento Estratégico
Produção Criativa

CANAIS OFICIAIS:


Fale Conosco

Leia nossa política de privacidade.


Copyright © 2020. Adtail Marketing Digital - Todos os direitos reservados.

Youtube
Vimeo
Google Maps