7 métricas que você não pode deixar de acompanhar no seu e-commerce

Em um mundo de opções de métricas, você sabe quais são as mais importantes para o e-commerce? Continue a leitura e descubra!

Leia também: Como funciona o algoritmo do Google? Use os fatores de ranqueamento a seu favor

Métricas ou KPIs?

Antes de tudo, se você confunde métricas e KPI, saiba que não está sozinho. No marketing digital, esses termos são comumente usados como sinônimos, mas eles têm suas diferenças. Nós explicaremos agora quais são.

Primeiramente, as métricas são informações numéricas que mostram a ação do usuário em relação a alguma ação de marketing. Por exemplo, o número de visitantes no site é uma métrica. 

Já os KPIs, ou Indicadores-Chave de Desempenho, são ferramentas que usam métricas para indicar se uma ação atingiu o objetivo estabelecido por sua empresa. Dessa forma, os KPIs são interpretações que avaliam o desempenho de seu negócio.

Ou seja, os dois termos estão ligados. O KPI precisa das métricas para ser formulado e orientar as tomadas de decisão.

Por que estabelecer métricas? 

É verdade que as métricas são formas de conhecer e acompanhar o desempenho da sua loja virtual. Elas mostram o que está dando certo ou não nas ações que são desenvolvidas e ajudam a pensar em novas estratégias.

Assim, é de extrema importância que você saiba quais métricas deve usar para atingir os objetivos.

Uma empresa que não acompanha suas métricas tem diversas dificuldades para interpretar sua performance no mercado. Elas não têm dados que as ajudam a entender fatores essenciais, como:

  • conteúdo que chama mais a atenção;
  • formato de mídia que o público prefere;
  • linguagem e comunicação com resultados mais efetivos.

Com que frequência devemos consultar as métricas e analisá-las?

Na verdade, cada métrica tem a sua particularidade para o acompanhamento. Algumas podem ser consultadas semanalmente, como a quantidade de visualizações.

No entanto, quem deve decidir é sua equipe de marketing. O melhor é que um ciclo de check-ins seja estabelecido para cada métrica ou um grupo delas. Ao verificar se os resultados apresentam o tempo hábil para atingir a métrica, você saberá se é o ciclo adequado de consulta e análise. 

Métricas que você deve acompanhar no seu e-commerce

Agora, você deve querer saber quais métricas deve usar no seu e-commerce, não é mesmo? Existem diversas métricas, mas algumas são fundamentais para esse tipo de negócio.

Por isso, separamos as 7 melhores para implementar e acompanhar no e-commerce. Confira a seguir.

1. Custo de Aquisição de Clientes (CAC) 

O CAC mostra o investimento médio das estratégias para conquistar um cliente. Ele é calculado da seguinte maneira: 

CAC = (investimentos em Marketing + investimento em Vendas) / número de novos clientes

Só para ilustrar, imagine que seu negócio investiu R$15 mil por mês e conseguiu 30 novos clientes. Assim, o seu CAC é de R$500.

2. Retorno sobre Investimento (ROI) 

Aqui, se calcula o valor ganho após os investimentos. Com o ROI, é possível saber quanto a empresa ganha ou perde com os investimentos em cada canal e quais são as campanhas que podem ser mantidas e quais devem ser otimizadas.

A fórmula do ROI é a seguinte:

ROI = (receita gerada – custos) / custos

3. Taxa de aprovação de pedidos

No e-commerce, um pedido realizado nem sempre significa a conclusão do mesmo. Isso porque é necessário que ele seja aprovado. A principais causas para a reprovação de um pedido são:

  • erros do site;
  • cartões bloqueados;
  • boletos errados;
  • tempo para pagamento excedido.

A taxa de aprovação de pedidos mostra quais vendas foram realmente concluídas. Ela pode ser calculada assim: 

Taxa de aprovação de pedidos = quantidade de vendas concluídas / quantidade de pedidos

Multiplicando o valor total por 100, você consegue o resultado final em porcentagem. 

4. Número de vendas

O número de vendas é uma das métricas mais simples. Ele mostra a relação entre  a quantidade de pedidos e as receitas geradas a partir deles

Com ele, é possível observar as sazonalidades e os períodos que o e-commerce tem melhores e piores performances. A partir desses números que mostram os hábitos dos consumidores, você entenderá quais são os momentos certos para promoções e descontos.

5. Número de carrinhos abandonados

O abandono de carrinho acontece quando o cliente escolhe seu produto, o coloca no carrinho mas, na hora de finalizar o pedido, desiste de efetuar a compra

Nesse sentido, o número de carrinhos abandonados ajuda a entender o comportamento dos consumidores no seu site. Essa métrica é específica dos e-commerces e é muito útil para definir condições de compra melhores e boa experiência para os clientes

6. Taxa de conversão

Seja por meio de mídia paga ou estratégias orgânicas, nem todos os usuários que visitam o seu site concluem uma compra. Por isso, existe a taxa de conversão, que demonstra a quantidade de pessoas que passaram de uma etapa do seu funil de vendas para outra.

A fórmula é a seguinte:

Taxa de conversão = (Conversões no período / total de contatos) 

Ao multiplicar o valor total por 100, você tem o resultado final em porcentagem.

7. Tráfego

Para entender o destaque de seu e-commerce na rede, é importante utilizar a taxa de tráfego. Ela mostra o volume de usuários que chega no seu e-commerce e, assim, revela se seu negócio tem conseguido atrair e converter os leads. 

Com o Google Analytics, você pode observar esse fluxo e ainda fazer comparações entre a performance em diversos períodos. Dessa maneira, será possível entender o que levou aos resultados encontrados e traçar novas ações de melhoria.

Transforme as métricas em resultados positivos para o negócio 

Para acompanhar as métricas de forma analítica e ainda otimizar suas ações, é importante contar com uma equipe que entenda do assunto e trabalhe de forma estratégica com os dados. 

Esse time está na Adtail, uma agência de marketing digital que busca a alta performance do seu negócio. Com a Adtail, seu negócio tem tomadas de decisão para a melhor experiência do cliente e performance de sua empresa.

Entre as várias de suas soluções que envolvem métricas, estão:

  • SEO;
  • mídia paga;
  • data intelligence;
  • planejamento estratégico.

Visite o site para saber mais e conte com profissionais especializados em métricas agora mesmo!